Manaus vive a maior cheia do Rio Negro

Nessa madrugada, o nível do Rio Negro atingiu 29,98 metros e ultrapassou em um centímetro a cheia recordo de 2012. Desde 1002, quando foi iniciado o processo de registro da subida dos rios, a cidade não vivia uma cheia tão grande, que feta a vida de 24 mil famílias, em aproximadamente 15 bairros que ficam localizados nas proximidades do rio e dos igarapés que cortam a cidade.

No centro de Manaus as águas do Rio Negro já alcançam locais como a Praça do Relógio, o prédio da Alfândega e ruas no entorno do Mercado Adolfo Lisboa como a Barão de São Domingos, onde para se locomover a população tem que andar em cima de palafitas, pontes de madeira construída acima do nível das ruas. A previsão é que o nível do Rio Negro atinja cota máxima de 30 metros durante cheia em Manaus.

Interior

No interior, 58 dos 62 municípios foram atingidos pela cheia. Cerca de 455 mil pessoas foram afetadas, de acordo com a Defesa Civil.

Cheias do Rio Negro

2021 – 29,98 m

2012 – 29,97 m

2009 – 29,77 m

1953 – 29,69 m

2015 – 29,66 m

1976 – 29,61 m

2014 – 29,50 m

1989 – 29,42 m

2019 – 29,42 m

1922 – 29,35 m

2013 – 29,33 m

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: