Com mais de 20 anos de atuação, funcionários revelam como trabalho no setor cultural mudou suas vidas

No Dia do Servidor, comemorado nesta quarta-feira (28), funcionários com mais de 20 anos de atuação no setor cultural revelam como o trabalho na área modificou suas vidas de forma positiva. 

Seja na produção de espetáculos, administração de arquivos ou no gerenciamento de espaços, servidores da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa facilitam, no dia a dia, o acesso do cidadão às políticas públicas de cultura. 

Gildomar Campos, conhecido pelos colegas de trabalho como Gil, é chefe do setor de transportes e trabalha há 43 anos no setor público, destes, 21 anos são voltados à cultura. Gildomar conta que viveu diversos avanços no setor cultural do Estado e que sente-se feliz em servir.”O servidor público se doa todos os dias para atender a solicitação do cidadão da melhor forma possível. Durante esses anos busquei sempre oferecer o meu melhor e pretendo continuar assim.”

A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa atualmente conta com aproximadamente 350 servidores na capital e interior, atuando em exposições, espetáculos, gerenciamento de espaços culturais, em atividades administrativas, mediando e guiando visitações turísticas e efetivando políticas públicas. 

Quem também tem uma longa trajetória na área é Edna Rezende, de 57 anos. Edna trabalha há 25 anos na instituição e hoje atua no Centro Cultural Usina Chaminé. “A SEC me ensinou e me deu oportunidade de aprender e trabalhar com a arte, pois depois de tantos anos, me tornei uma artesã através do meu trabalho”, ressalta. “Aprendo cada dia mais a valorizar e agradecer toda a experiência que tive e tenho até hoje”. 

O servidor com mais tempo de atuação da SEC é Raimundo Nonato do Nascimento, que trabalha no Teatro Amazonas. Nonato acumula 47 anos de serviço e dedicação ao espaço. Em abril do ano passado ele foi homenageado pelo secretário Marcos Apolo Muniz na abertura do XXII Festival Amazonas de Ópera. 

Nonato ganhou uma placa na galeria do Teatro Amazonas como forma de agradecimento aos serviços prestados. Além disso, neste dia 28 de outubro, o servidor foi homenageado em um vídeo lançado pelo Governo do Amazonas em homenagem ao dia do servidor. 

Assista: https://bit.ly/3jvxJy8 

Confira também o relato de outros servidores:

Maria Nazarene Maia

Servidora  pública há 33 anos

Departamento de Museus

“A Cultura faz parte da minha história, me proporcionando prazer em ser, fazer e pertencer, sendo este o meu prazer sadio de viver”.

Jessilda Furtado

Servidora pública há 34 anos

Centros Culturais

”É olhar para o patrimônio material e imaterial com respeito e zelo. Saber que o amor ao próximo vence as barreiras e as diferenças culturais e beneficia a todos”.

Silvio da Silva

Servidor é público há 30 anos

Comunicação e Marketing 

“Ser servidor trabalhar intensamente na difusão de nossa cultura”.

*Com informações da Assessoria.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: